oreilles_A4_cEsta frase é de uma atualidade brutal! Escrita nos muros da Sorbonne há quase 50 anos, os alunos queriam deixar claro que o clamor que vinha das ruas não chegava aos ouvidos dos parisienses com sua vida comum e pacata.

As paredes tem ouvidos“, vocês duvidam disso? Pegue uma lata de spray e siga até o seu muro favorito! Se você deixar por lá o seu recado, verá que a parede o ouvirá e guardará obedientemente. Mas infelizmente “os ouvidos têm paredes“, aqueles que mais deveriam tirar os olhos dos outdoors e jornais insossos estão cansados e atemorizados demais para isso.

É absolutamente necessários nos expressarmos, levar até o limite de nosso ser a nossa mensagem, gritá-la aos quatro ventos para que a cantilena atual seja desafinada. Não aguentamos mais o discurso do progresso, “tenham paciência, chegaremos lá!”, lá aonde? Não! Nos escutem! Temos algo a dizer, e quebraremos todas as barreiras que tapam seus ouvidos.

"Os muros estão lá para nos escutarem"
“Os muros estão lá para nos escutarem”
"Os muros têm orelhas, agora eles têm a palavra"
“Os muros têm orelhas, agora eles têm a palavra”

Escrito por Rafael Trindade

"Artesão de mim, habito a superfície da pele" Atendimento Psicológico São Paulo - SP Contato: (11) 99113-3664

um comentário

Comente aqui!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s